Ana Raspini é viajante, além de professora de Inglês, e escritora.

Minha foto
Brasileira, professora de Inglês, escritora, mas acima de tudo, viajante.

terça-feira, 16 de junho de 2015

VIA APPIA ANTICA



A Via Ápia, ou Via Appia Antica em Italiano, é, talvez, a principal e mais emblemática estrada da Roma antiga. Recebeu este nome em memória do político romano Ápio Cláudio Cego, que iniciou sua construção em 312 a.C. Atualmente, a estrada liga Roma até Brindisi, quase no final da península Itálica. A Via Ápia chega a uma extensão de 600 quilômetros. Ela era chamada, em latim, de Regina Viarum, que significa "a rainha das estradas".
A Via Ápia é um passeio de um dia inteiro que eu recomendo ao viajante que tem alguns dias em Roma. Pode ser feito a pé ou alugando uma bicicleta, que é a maneira de percorrer uma extensão maior sem machucar os pés.
Caminhar pela Via Ápia hoje em dia é quase uma ode à história da civilização como a conhecemos. Ela é um itinerário cultural que passa por sítios arqueológicos importantes, como as Catacumbas de San Calisto, as Catacumbas de San Sebastiano, o Mausoleo de Romulo (Circo di Massenzio), o sítio arqueológico de Capo di Bove, e o belíssimo Parque dos Aquedutos, entre outros.
O privilégio de percorrer essa estrada de pedras milenares é um exercício quase espiritual, onde o esforço é recompensado com a paisagem, a cultura e a sensação de superação.
Nós chegamos até lá pegando o ônibus 118 a partir de Roma, e descendo em uma das paradas chamadas de Via Appia Antica.









Nenhum comentário:

Postar um comentário